Uma página


Esmero foi o nome de uma loja de artesanatos que mantive na Elo7 por um tempo, e que, por um tempo, deu certo. Apesar do fato de que consegui muito mais encomendas de pessoas que conheceram meus trabalhos fora do ambiente da internet, e que, neste, alguns clientes eram desencorajados a adquirir meus produtos devido aos fretes caros dos Correios, pode-se dizer que fui bem feliz simplesmente por ter uma lojinha.

Só que aí, claro, o esperado e óbvio aconteceu: tive um semestre sobrecarregado na faculdade e a certeza de que, ainda mais agora que me envolvi com alguns projetos da Letras, a tendência é ter cada vez menos tempo para me dedicar a coisas que não as do próprio curso. Não pretendo abandonar o hobby dos artesanatos, mas é necessário que eu o mantenha só como isso mesmo: um hobby.

Como, modéstia à parte, algumas de minhas ideias artísticas merecem ser compartilhadas — por envolverem reciclagem ou materiais adquiridos sem prejuízo ao meio ambiente —, resolvi criar este cantinho para isso. Não vou chamá-lo de blog porque não é minha intenção me dedicar a ele como tal, até porque já tenho o As moscas na janela, no qual posto meus escritos e minhas fotografias (outras facetas da minha arte e liberdade de expressão). Eu quero mesmo é algo sem muitas pretensões, uma página na qual jogar uma ou outra ideia bacana que possa servir de inspiração para alguém. Ir levando assim. Postando mensalmente, ou quando der.

Não tenho previsão de quando ocorrerá o primeiro post “artístico” daqui, mas, se você gosta do assunto, ou gostava da parte ideias e mais ideias de meu antigo blog, O Único Jeito (caso o tenha conhecido), ou gostava dos produtos da loja Esmero (idem), sugiro que me siga aqui, por e-mail ou pelo Bloglovin, ou que venha até aqui de tempos em tempos. Não vou prometer nada porque a verdade é que não estou em condições de fazê-lo. Mas... sei lá. Acho que vai ser legal!